COMBATE AO ABUSO E À EXPLORAÇÃO SEXUAL

Prefeitura de Diamantino lança projeto para proteger a infância e adolescência

A iniciativa visa conscientizar a comunidade sobre os direitos da criança e do adolescente, além de promover o Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI)

Data: 08 de Junho de 2024
Autor: Mariana Barão
Fonte: ASCOM

Foto por: Samuel Janke

Torcida Premiada em Diamantino: Protegendo a Infância e Combatendo o Abuso e à Exploração Sexual

A Prefeitura de Diamantino, por meio da Secretaria de Assistência Social, Trabalho e Cidadania, lançou o projeto “Torcida Premiada” visando combater o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes, além de promover o Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI).

Em maio, diversos órgãos municipais se uniram para conscientização sobre os direitos da criança e do adolescente. Palestras foram realizadas nas escolas e atividades do projeto foram aplicadas para consciencializar a comunidade que aderiu à causa e, posteriormente, aplicou as atividades propostas no regulamento do projeto “Torcida Premiada”

 Durante uma palestra sobre o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, celebrado em 18 de maio, o PETI foi destacado como uma ferramenta essencial para eliminar o trabalho precoce de menores de 16 anos.

O município tem se esforçado para proteger a infância por meio de políticas públicas e iniciativas sociais. A luta contra o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes é uma responsabilidade de todos nós.

“Este projeto foi implementado de maneira eficaz nas escolas para promover o engajamento no combate ao abuso e exploração sexual. Nosso objetivo era despertar a curiosidade nas crianças e incentivá-las a pesquisar e ficar atentas a esse tema tão importante. Além disso, enfatizamos a importância dos meios (contatos)  de denúncia e como elas podem fazer essas denúncias. O projeto foi cuidadosamente planejado para abranger crianças e adolescentes, deixando uma marca duradoura em suas memórias. Também garantimos que os professores e coordenadores envolvidos estejam preparados para lidar com qualquer situação que possa surgir.”  (Lucas Gabriel coordenador na assistência  social) na escola estadual Castro Alves, os alunos Ana Clara Oliveira Bezerra, Giovanna Vitória Souza Bueno e João Pedro Camilo dos Santos foram reconhecidos, sob a orientação da professora Áurea Almeida.

Além disso, homenageamos as seguintes escolas e profissionais:

Educação Infantil:

  • Premiação única.

  • Professora: Fernanda Taques.

  • Turma: Pré II.

  • Aluna premiada: Any Cristiny dos Santos Mendes.

     Ensino Fundamental I:

  1. Primeiro lugar:

    • Escola Municipal Maria Euzébia Ferreira.

    • Professora: Augusta Santana de Lara Ayres.

    • Turma: 5º Ano.

    • Aluno premiado: Luis Felipe Costa Feitosa.

  2. Segundo lugar:

    • Escola Municipal Castro Alves.

    • Professora: Kellen Simonini Molina.

    • Turma: 3° Ano.

    • Aluna premiada: Allana de Souza Lamaison.

  3. Terceiro lugar:

    • Escola Municipal Prefeito João Batista de Almeida.

    • Professora: Cristiana Coimbra.

    • Turma: 2° Ano.

    • Aluna premiada: Ana Julia Moreira Busanello.

Ensino Fundamental II:

  1. Primeiro lugar:

Escola Municipal Castro Alves.

Professora: Vandete Corrêa.

Turma: 7º Ano.

Aluna premiada: Giovana Rodrigues Araújo.

  1. Segundo lugar:

Escola Municipal Castro Alves.

Professora: Vandete Corrêa.

Turma: 7º Ano.

Aluna premiada: Ana Júlia Ferreira Ramos.

  1. Terceiro lugar:

Escola Municipal Castro Alves.

Professora: Vandete Corrêa.

Turma: 7º Ano. Aluna premiada: Aline Elynes Hadassa Dutra da Silva.

Além disso, há uma premiação no Ensino Médio:

  • Escola Estadual Castro Alves.

  • Professora: Áurea Almeida.

  • Turma: 3º Ano.

  • Alunos premiados: Ana Clara Oliveira Bezerra e Giovanna Vitória Souza Bueno.

Também temos os titulares para a Moção de Aplausos:

  1. Escola Municipal Prefeito João Batista de Almeida:

Diretora: Janete Terezinha Zancanaro Visolli.

Coordenadora: Elizangela Gonzaga Nascimento Barbosa De Almeida.

Professora: Cristiana Coimbra.

Vereador: (não especificado).

  1. Escola Estadual Castro Alves:

Diretora: Adriani Fatima Both dos Santos.

Coordenadora: Maria Auxiliadora da Silva.

Professoras: Vandete Corrêa e Áurea Almeida.

 

  1. Escola Municipal Castro Alves:

Diretora: Marinalva de Arruda Lino.

Coordenadora: Alice Maria de Almeida.

Professoras: Fernanda Taques.

  1. Escola Municipal Maria Euzébia Ferreira:

Diretora: Maria do Carmo Queiroz Wirgues.

Coordenadora: Jeniffer Aparecida Barros da Silva.

Professora: Augusta Santana de Lara Ayres.

O projeto deste ano envolveu 1.292 alunos de 14 instituições de ensino, alcançando indiretamente 4.522 famílias na zona urbana e rural do município.

 Agradecemos a todos pelo apoio a esta causa tão importante.

 

combateaoabusosexual
assistenciasocial
projetofacabonito
direitodacrianca
direitodoadolescente
Endereço: Rua Desembargador Joaquim Pereira Ferreira Mendes,2287 - Bairro Jardim Eldorado
Telefone: (65) 3336-6400
Horário de Atendimento: 07:00 ás 13:00
CNPJ - Prefeitura Municipal de Diamantino: 03.648.540/0001-74