Imprensa Notícias Parceria viabiliza capacitação de reeducandos em Diamantino

16/03/2017 às 15:41

Uma parceria entre Judiciário, Executivo, e iniciativa privada, vai viabilizar capacitação aos reeducandos da Cadeia Pública de Diamantino. O projeto vai oferecer o curso de corte e costura nas dependências da unidade prisional, possibilitando que os reeducandos aprendam um ofício, gerem renda produzindo e comercializando peças de vestuário e, principalmente, tenham condições de se reinserirem na sociedade, após cumprirem suas penas.

Participam da iniciativa o Poder Judiciário, através da 2ª Vara do Fórum da Comarca de Diamantino, sob cuidados do magistrado Gerardo Humberto Alves Silva Júnior, o Ministério Público Estadual, através de iniciativa da promotora Gileade Pereira Souza Maia, e a Defensoria Pública. A Administração Municipal, através da Secretaria de Assistência Social. Uma empresa de confecção deve ingressar no projeto, viabilizando uma instrutora para ministrar as aulas.

A Prefeitura, através da Secretaria de Assistência Social, cedeu cinco máquinas de costura industriais, para realização do projeto. Nesta quinta-feira (16), o prefeito Eduardo Capistrano, a secretária de assistência social, Wilma Mamprini, e o chefe de gabinete Uzias Maximo visitaram a sala aonde os reeducandos farão o curso, e entregaram o termo de cedência do equipamento. Eles foram recebidos pelo diretor da Cadeia Pública, Odair José da Silva. Também acompanharam a visita o defensor público Moacir Gonçalves Neto, o assistente ministerial Rômulo Bezerra Pegoraro (representando o Ministério Público Estadual), e a assessora de gabinete Salma Yunes Khalil (representando o Poder Judiciário).