Publicado em: 30/07/2018 ás 13:15:00 Fonte: Assessoria de comunicação

A prefeitura de Diamantino preocupada com os focos de incêndios no município, através da secretaria de Agricultura, Indústria, Comércio e Meio Ambiente firmou termo de cooperação técnica com o Corpo de Bombeiros do Estado de Mato Grosso, onde é oferecido suporte de estadia e alimentação para as equipes do corpo de bombeiro.

Foram formados brigadistas florestais contratados pelo município, uma caminhonete e um caminhão pipa foram cedidos para ajudar no deslocamento, todos estes investimentos têm atingido o objetivo de prevenir e coibir atividades de incêndios na região de Diamantino.

As operações da equipe mista de combate a incêndio, tem sido ostensiva, o que segundo o tenente Caíque Xavier, do corpo de Bombeiros de Cuiabá, faz cair o número de focos no município. Segundo ele, os brigadistas ficam a todo momento em alerta para atender as chamadas o mais rápido possível.

De acordo com o Tenente muitos casos têm origem em atos que poderiam ser evitados, por isso o militar alerta que gerar fumaça ou incêndio são ações que podem levar o autor a ser enquadrado na Lei Penal. “Art. 250 - Causar incêndio, expondo a perigo a vida, a integridade física ou o patrimônio de outrem: Pena - reclusão, de três a seis anos, e multa.”

Na lei dos crimes ambientais (lei nº 9.605/1998), também há previsão específica de penalidade, no artigo 41, para quem provocar incêndio, a pena é de reclusão, de dois a quatro anos, e multa. Se o crime for culposo, detenção de seis meses a um ano, e multa. Qualquer dessas situações pode acarretar responsabilização para quem ateou fogo, e no período de inverno.

O secretário de Meio Ambiente, Claudimar Barbacovi orienta a todo cidadão para evitar riscos, sendo prevenido em relação ao perigo, deixando de efetuar qualquer tipo de queimada. “Nós investimos mais que outros municípios, pois aqui não temos o corpo de Bombeiros, tornando essencial a presença destes profissionais em nossa cidade. Nós pensamos no meio ambiente, nas crianças e em todos que sofrem de dificuldade respiratória. Além destes trabalhos, também estamos fazendo um outro de conscientização, com distribuição de panfletos e orientações, para que a população mude o costume de atear fogo nesta época seca.”

O Tenente Caíque disse que o apoio da prefeitura é fundamental. “Se não existisse essa parceria, as queimadas seriam mais intensas. A parceria com a prefeitura vem sendo imprescindível, esse suporte faz toda a diferença para nós, assim conseguimos diminuir os focos de incêndios nesse primeiro período. Os trabalhos não vão parar, com isso vemos os bons resultados no município”, ressaltou.

Para denunciar focos criminosos ou não, você pode ligar para o telefone 24 horas da brigada de combate aos incêndios de Diamantino, (65) 9 8459-1754, ou no 190 da polícia militar, que a PM de Diamantino entrará em contato com combatentes.

Notícias relacionadas